O que é Copywriting? Descubra como vender todos os dias usando uma carta de vendas poderosa!

O que é Copywriting? Descubra como vender todos os dias usando uma carta de vendas poderosa!

Muitas pessoas, até mesmo as mais inteiradas no universo do Marketing, não sabem exatamente o que é copywriting, parece que não é tão fácil assim explicar esse conceito.

Mas calma, não é nenhum “bicho de sete cabeças”!

Porém, já adianto que se você faz parte do grupo de pessoas que não entendem muito bem o que é uma carta de vendas você está perdendo tempo e dinheiro.

Então se você quer descobrir o que é copywriting e como vender todos os dias usando cartas de vendas matadoras continue lendo esse artigo.

(mais…)

Como Conseguir Clientes de Coaching Em 6 Passos!

Como Conseguir Clientes de Coaching Em 6 Passos!

Como conseguir clientes de coaching

Muitas pessoas terminam a certificação de coaching e ficam desesperadas, pois não sabem como conseguir clientes de coaching.

Isso é normal, pois as especializações de coach ensinam como você pode se tornar o melhor coach do mundo. No entanto, não ensinam a vender o seu serviço!

Se você está iniciando na carreira ou já tem alguns anos de experiência sabe que isso é muito comum.

Você começa atendendo as pessoas mais próximas, tem algumas indicações, mas depois os couchees somem! Isso é natural, pois seu círculo de networking acaba.

Sei que já pensou diversas vezes…

– E seu tivesse uma máquina de atração de novos coachees?

– E se todos os dias chegasse um e-mail na minha caixa de entrada de uma pessoa que quer agendar uma sessão experimental comigo?

Como conseguir clientes de coaching de forma automatizada?

Para essas perguntas existem respostas e são respostas positivas! Isso mesmo. Você pode criar a sua máquina de atração de coachee automática através da Internet!

Nós criamos um funil de vendas para coach. Isso significa que você vai aprender como conseguir clientes de coaching com o seu funil de vendas e ativar uma máquina automática de captação de coachees usando a internet em apenas 6 passos!

Você terá acesso à estratégia de funil de vendas que usamos para nossos clientes coaches, e você poderá usar também este modelo.

Se você quer lotar a sua agenda, siga os 6 passos abaixo!

1 – Posicionamento

Quantas vezes você falou para alguém: sou coach! E a pessoa: ahnnn! Isso ocorre porque as pessoas não têm claramente em suas cabeças o que um coach faz e nem sabe como ele pode ajudá-las.

Resumindo: se as pessoas não sabem o que é coach e você não tem um posicionamento correto, muito dificilmente as pessoas vão te encontrar.

Por isso, o primeiro passo sobre como conseguir clientes de coaching é criar um posicionamento claro e objetivo. Nada de falar: sou coach de emagrecimento, sou life coach, sou coach financeiro, etc.. Isso todos os coaches falam!

Defina em uma frase curta que revele a transformação que você causa e o seu diferencial!

Se você tem dúvidas de como se posicionar leia o livro do Brian Tracy : Eat That Frog.

Neste livro ele fala sobre “21 Ótimas maneiras de parar de procrastinar e obter mais coisas em menos tempo”. No entanto, o mais importante da obra é você observar a maneira como ele se posiciona para ajudar as pessoas a dar o primeiro passo.

Agora que você já tem o seu posicionamento, vamos descobrir como ganhar a confiança imediatamente. Vamos ao próximo passo!

Leia Também:

Como Fazer Minha Empresa Aparecer no Google de Forma Correta?

2 – Criar uma sessão transformadora e gravar um vídeo

Se você tem um site com algumas informações sobre você, mas…

  • Não tem muitos artigos ou vídeos de conteúdo no seu blog
  • Não tem depoimentos de coachees extremamente satisfeitos com os resultados que você gerou…

Quando uma pessoa chega até o seu site ela não o vê como um especialista instantaneamente.

Então para entender como conseguir clientes de coaching, você precisa criar a sua autoridade de forma rápida e eficaz! Para isso, você deve elaborar uma sessão “matadora”. Ela deve mostrar onde o coachee está e onde ele pode chegar com a sua ajuda!

Em seguida você vai gravar essa sessão! Isso mesmo. Faça um vídeo, como se você estive em uma sessão, passe todas a orientações necessárias! Enfim, essa deve ser a melhor sessão da sua vida!

No final, o coachee deve pensar: “Eu preciso contratar as próximas sessões para alcançar o meu objetivo!” Detalhe: essa sessão não deve durar mais que 30 minutos.

Agora que você já tem um posicionamento, gravou uma sessão “matadora” é hora de construir a sua audiência! No próximo passo você aprenderá o que fazer para criar uma lista de e-mails.

3 – Estruturar uma página de captura de coachee

Nessa etapa é hora de criar uma lista de pessoas qualificadas. Ou seja: pessoas que têm potencial para serem seus clientes.

Você vai criar uma página para oferecer sua sessão “matadora” gratuitamente. Em troca as pessoas vão deixar o nome e o e-mail delas. A mensagem nessa página deve ser muito clara e direcionada, para dispensar curiosos.

Exemplo: se você ajuda pessoas que possuem muito capital e querem investir seu dinheiro de forma segura. A mensagem deve ser bem direcionada, portanto, você não vai falar com quem tem somente o dinheiro do FGTS e quer investir.

Nessa fase sobre como conseguir clientes de coaching preocupe-se em mostrar o que ela encontrará do outro lado, assim que preencher o formulário. Coloque um título bem atrativo e explique o que ela pode esperar da sessão. Fale dos resultados.

Depois de criar seu posicionamento, gravar uma sessão “matadora”, criar uma página de captura de coachee é hora de monetizar! Criar a estrutura para entrega do prometido! Vamos criar a página que o potencial cliente irá assistir sua sessão! Nos vemos no próximo passo!

4 – Pagina de vendas

Ok! Chegou o momento de enfim você definitivamente capitalizar o seu conhecimento que já foi divulgado na página de captura. Agora você precisa criar a sua página de vendas.

Para isso, você deve implantar em sua página de vendas algumas características típicas de uma página vendedora, capaz de acelerar o preenchimento total da sua agenda.

Para garantir o seu sucesso por meio da página de vendas é necessário que você insira nela alguns elementos como:

  1. Um título impactante (aquele capaz de vender já no primeiro momento. A grande promessa da sua sessão “matadora”)
  2. Um vídeo seu da sessão “matadora”;
  3. Citar alguns desafios, obstáculos ou problemas do seu público-alvo que tenham a ver com o que você está propondo (detalhes que aproximam a pessoa da sua proposta)
  4. Apresentar uma solução para estes desafios;
  5. Falar um pouco sobre quem você é (isso reforça a sua autoridade e competência);
  6. Revelar os benefícios das sessões com você;
  7. Fazer a sua oferta (destaque o que a pessoa vai efetivamente ganhar e como vai se beneficiar com as sessões);
  8. E chamar para a ação (convide a pessoa para agendar uma sessão online clicando em um botão para dar sequência ao processo).

 

Há ainda outros detalhes que devem ser levados em consideração, como ter uma página de vendas de fácil navegação, o texto com uma fonte de fácil leitura, com frases e parágrafos curtos, com um bom espaçamento entre as linhas e os parágrafos, com imagens em harmonia com o texto, uma página com harmonia de cores e a inserção de marcadores como setas ou bullets points.

Assim, você terá uma página de vendas envolvente não apenas pelo conteúdo, mas também pelo visual.

Agora com a página de vendas pronta, você deve planejar a sua agenda online, pois é para lá que o seu potencial cliente será direcionado, após clicar no botão na página de vendas.

Veja abaixo mais um passo sobre como conseguir clientes de coaching!

5 – Estruturar a agenda online

Como a proposta da página de vendas é levar a pessoa para marcar um horário com você, é preciso, então, estruturar a agenda online de tal forma que esse processo seja totalmente automatizado.

Assim, ao clicar no botão da página de vendas seu potencial cliente já será direcionado para uma página virtual na qual ele mesmo pode agendar a sessão, de acordo com os seus horários disponíveis.

Há no mercado boas ferramentas de agendamento online que otimizarão o tempo do seu cliente e o seu também. Basta definir qual aplicativo atende a sua necessidade.

Agora descubra como atrair ainda mais clientes para as suas sessões. É o assunto do próximo tópico e último passo sobre como conseguir clientes de coaching.

6 – Comprar tráfego

Você está no caminho certo. Já sabe o que precisa fazer para atrair pessoas para as suas sessões e como conseguir clientes de coaching. Agora precisa lotar a sua agenda, ok?

E uma das formas mais assertivas de se fazer isso é comprar tráfego, de preferência no Facebook, a rede social mais acessada por nós brasileiros.

De forma bem prática comprar tráfego é criar anúncios em sua Fanpage e impulsioná-los. Ou seja: você paga ao Facebook para que ele mostre o seu anúncio para as pessoas que você definiu como público-alvo durante a construção do seu anúncio dentro do próprio Facebook.

Assim, você está comprando tráfego para o seu negócio: as suas seções de coaching.

Lembre-se de fazer anúncios criativos, com imagens e títulos atrativos, que chamem a atenção e o desejo de clicar no seu anúncio. Aliás, o anúncio deve ter uma chamada para ação. A chamada deve estimular as pessoas a clicarem em seu anúncio naquele momento. Afinal, este é objetivo dele.

E há algo muito importante nessa fase: você deve criar anúncios com um propósito já definido: os anúncios devem direcionar a pessoa para a sua página de captura.

Nesse artigo você aprendeu como conseguir clientes de coaching em seis passos. Percebeu que há muito o que fazer, concorda? Afinal, é um processo que vai levar você a lotar a sua agenda de coachees.

Por isso, se você não tem tempo ou habilidade para implementar essa estratégia sozinho e lotar a sua agenda, nós da VendaOn podemos te ajudar.

Somos experts em colocar em prática essa máquina para atrair seus coachees e, assim, proporcionar a você a trabalhar com o que gosta e ganhando efetivamente dinheiro com isso.

Entre em contato agora conosco

Estamos esperando por você.

Descubra como fazer anúncio no Google AdWords em 3 passos

Descubra como fazer anúncio no Google AdWords em 3 passos

Descubra como fazer anúncio no Google AdWords em 3 passos

Investir no Google AdWords pode ser uma excelente saída para melhorar o desempenho de suas vendas, mesmo que você não saiba nada sobre como fazer anúncio no Google Adwords.

Se você está há muito tempo esperando um milagre que transforme o marasmo financeiro de seu negócio em algo altamente lucrativo e rentável rotineiramente existe algo que você deve saber agora!

Isto porque esta ferramenta faz parte de um dos maiores, senão o maior mecanismo de busca do mercado: o Google.

Com certeza você já fez algumas centenas de pesquisas nele, não é verdade? E muitas vezes percebeu que lá no topo há alguns anúncios que têm uma ligação direta com a sua busca.

Então…é lá que o seu negócio deve estar também.

Acredite: aparecer nos resultados de busca do seu público-alvo é imprescindível para fortalecer a imagem da sua empresa e conseguir atrair mais clientes para o seu negócio.

Afinal, quem não é visto não é lembrado.

Pensando nisso, nós vamos falar hoje sobre como fazer anúncio no Google AdWords de tal forma que os cliques no seu anúncio se transforme em vendas.

Descubra agora como fazer anúncio no Google AdWords em 3 passos.

Vamos começar?

 

1º passo: Criar uma conta no AdWords

Você pode estar se perguntando agora: ‘Ah! Eu não sei como fazer anúncio no Google AdWords. Isso deve ser super complicado’. Não é mesmo! E você vai perceber.

Bem. A primeira coisa que você precisa fazer antes de produzir o anúncio é criar uma conta no próprio AdWords.

Depois disso defina qual a melhor forma de pagamento – cartão de crédito ou boleto bancário. Você pode também selecionar qual será o modelo de campanha que deseja aplicar.

2º passo: Entender a estrutura do anúncio

Para saber como fazer anúncio no Google AdWords você precisa conhecer as quatro partes do anúncio. São elas:

URL final:  como o próprio nome diz – é o endereço final do site em que a pessoa será levada após clicar no anúncio. Esta URL só aparece depois que o usuário fizer a ação.

Título: é a frase que resume o seu anúncio e deve estar na primeira linha dele.

Caminho: é o endereço figurado e menor que vai aparecer no tom verde. É nele que o site cadastrado na URL final será cadastrado de forma automática.

Descrição: é o que você vai falar sobre o que tem no anúncio, respeitando o limite de 80 caracteres.

3º passo: Gerar o anúncio

Para isso é preciso estudar o seu público-alvo, seu comportamento na internet, inclusive com relação às pesquisas que ele faz no Google.

Esse conhecimento faz toda a diferença sobre como fazer anúncio no Google AdWords. Por quê? Porque a ideia é produzir um anúncio que gere atenção, tenha interesse e desperte o desejo de clicar nele.

Se você já sabe quais são as palavras-chaves que o usuário procura vale a pena então inserir no título justamente o termo pesquisado.

Isto porque estas palavras-chaves se destacam em negrito, chamando a atenção do usuário. O que é realmente bem interessante, concorda?

Outra forma de também direcionar o anúncio de tal forma que só clique nele o público que realmente está interessado é inserir valores e forma de pagamento.

Assim só clica quem quer o seu produto ou serviço e você não perde dinheiro com um clique sem resultado, sem conversão (venda).

Nós vamos agora detalhar mais sobre como fazer anúncio no Google Adwords para que você compreenda melhor essa estratégia comumente utilizada por empresários que desejam alavancar suas vendas por meio da internet:

Faça um título atrativo

Quer chamar atenção? Então capriche no título e use a dica que citamos acima sobre usar palavras-chaves. Além disso, vale usar também em maiúsculas cada letra inicial das palavras. É uma indicação do Google, já que a empresa avalia que essa forma gera maior atração para o seu anúncio.

Saiba descrever o anúncio

Lembre-se: você só tem 80 caracteres para vender o seu anúncio. Como o seu propósito é somente buscar o clique e levar a pessoa para outra página, reserve o conteúdo maior para este segundo momento.

Portanto, o texto de 80 caracteres tem que ser direcionado para despertar o desejo do clique. Aposte, por exemplo, em algo como: promoção ou desconto; uma vantagem ou solução; nas funcionalidades do seu produto ou serviço; demonstrando que você é diferente ou tem muita experiência; avisando que é para um público específico ou mesmo uma chamada de compre agora, baixe já.

Enfim…seja convincente!

Escolha corretamente a URL que será visualizada

O ideal é utilizar o domínio da sua empresa e abreviar o título da oferta que será liberada para a pessoa após o clique. Um exemplo: se nós da VendaOn fôssemos ofertar no anúncio uma e-book o endereço otimizado poderia ser vendaon.com.br/ebook.

Pense na URL de destino

É preciso pensar também na página que o usuário será direcionado depois que clicar no anúncio. Lógico que o mais assertivo é levá-lo para uma página que cumpre a promessa feita no primeiro contato. Ou seja, ela deve ter uma ligação direta com o seu anúncio.

A opção nesse caso é criar uma página de captura (conhecida também como landing page) elaborada especificamente para aquela oferta. Ela tem duas grandes vantagens:

  1. A pessoa não será direcionada para a página principal do seu site o que dificultaria a busca pela oferta e a provável desistência da compra.
  1. Você consegue capturar o nome e o e-mail do usuário já que ele precisa fornecer essas informações para ter acesso a oferta. Essa forma ajuda você a construir a sua lista de e-mails. Acesse nosso artigo de Email Marketing para saber mais.

Adicione extensões de anúncio

Você pode também acrescentar extensões de anúncio visando inserir informações adicionais para a oferta. Entre os tipos de extensões liberadas atualmente pelo Google estão:

Chamada: com o número do telefone no anúncio seu público pode fazer uma ligação direto dele, otimizando assim o seu tempo.

Preço: você consegue inserir links direcionados e valor de seu produtos e serviços, por exemplo.

Sitelink: você pode adicionar links para outras páginas do seu site.

Mensagem: a pessoa pode enviar um SMS para você, já com um texto pré-definido por você mesmo.

E vale reforçar…

 

Nunca, mas nunca esqueça de…

Jamais enviar o usuário para a home (página principal do seu site). Sempre direcione para a página do seu produto ou serviço. E aproveite colocando nessa página um número de WhatsApp e um formulário.

Ok!  Estas foram as nossas dicas sobre como fazer anúncio no Google Adwords.

O Google é atualmente uma grande plataforma de anúncios para qualquer empresa anunciar e ter excelentes resultados.

Agora que você descobriu como fazer anúncio no Google Adwords chegou a sua grande oportunidade de aparecer, atrair o seu público-alvo e gerar vendas diárias.

E se você desejar uma consultoria mais especializada em Google AdWords e nas demais estratégias de marketing digital nós estamos aqui para lhe ajudar.

A VendaOn é uma empresa formada por experts em vendas online prontos para desenvolver uma campanha de vendas online de acordo com a sua necessidade.

Sem medos, nem receios de aplicar o seu capital e não ter retorno. Nós estudamos para isso e sabemos identificar as oportunidades de negócio para sua empresa na internet.

Inclusive criamos um E-book que pode também contribuir para o sucesso da sua empresa já que trata de plano de negócios estratégico.

O nosso E-book Como Criar um Plano de Marketing Vencedor é totalmente gratuito.

A única coisa que você precisa fazer é clicar agora em QUERO MEU E-BOOK GRATUITO para baixar o produto digital.

O que achou do artigo? Sentiu falta de algum item? Deixe sua opinião nos comentários! E caso queira uma campanha de vendas online personalizada de graça, solicite o contato da nossa equipe

Como aumentar as vendas de uma loja em 30 dias através da internet

Como aumentar as vendas de uma loja em 30 dias através da internet

É fato. Muitos, senão milhares de empresários brasileiros, estão há tempos patinando em suas estratégias de vendas porque não conseguem definitivamente encontrar uma fórmula consistente e viável que os ajude a vender todos os dias pela internet.

Eles não sabem…

  • O que fazer para impulsionar o seu negócio;
  • Por onde começar.

Não fazem a mínima ideia de como aumentar as vendas de uma loja. E sequer têm um método que garantam a eles vendas recorrentes.

Por isso…

Eles deitam e levantam praticamente todos os dias com o mesmo pensamento: “o que devo fazer para melhorar o faturamento da minha empresa com ajuda da internet?”

Inclusive, esta talvez seja uma pergunta que você faça sempre.

Contudo, saiba que a resposta é bem simples:

Se você ainda não sabe como aumentar as vendas de uma loja, em especial do seu negócio, e sofre diariamente com isso…

Entenda de uma vez que você precisa de um Funil de Vendas agregado com a utilização constante de e-mail marketing.

E no conteúdo de hoje você vai aprender como aumentar as vendas de uma loja em 30 dias através da internet seguindo todas as etapas do Funil de Vendas com a aplicabilidade constante do e-mail marketing.

Vamos lá?

Primeiro você precisa saber o que é um Funil de Vendas

o-que-é-funil-de-vendas

 

O funil de vendas nada mais é que a representação da jornada de compra de uma pessoa, demonstrando todo o caminho. A partir do momento que ela tem o primeiro contato com a sua empresa, interessa-se pelo seu produto ou serviço, compra e ainda divulga a sua marca de forma altamente positiva.

Por isso, a forma de funil. Sendo o topo largo e ao final do funil uma base mais estreita, significando a atração com a entrada de várias pessoas e a conversão (interesse que virou venda) mais segmentada, respectivamente.

Se você pensa em como aumentar as vendas de uma loja vale lembrar que para cada estágio do funil de vendas o posicionamento e comportamento online do usuário difere.

A cada fase eles consomem, por exemplo, conteúdos diferentes e cabe um especialista em marketing digital ajudar você em cada momento.

Ele definirá quando ofertar informações como e-books, artigos, guias, tutoriais, vídeos, webinars, etc e também ajudará na realização de campanhas de marketing. O especialista sabe como aumentar as vendas de uma loja, inclusive a sua.

Estágios de um funil de vendas

Quer saber como aumentar as vendas de uma loja? Entenda, então, quais são as etapas de um funil de venda.

Os estágios, geralmente, são divididos em quatro. Cada um revela o desempenho daquela pessoa dentro da sua jornada de compra.

Confira como ocorre:

1º Estágio – Momento de descobrir a necessidade

Chamar a atenção! Este é o principal propósito dessa etapa inicial. Afinal, este é o seu primeiro contato com o seu público e, por isso, deve atraí-lo para a sua oferta despertando nele um problema, uma necessidade que até então não havia percebido e que pode ser resolvida pelo seu produto ou serviço.

Para ativar esse interesse, esse algo latente, é imprescindível recorrer a algumas estratégias, entre elas oferecendo gratuitamente conteúdos relevantes, que agreguem valor, em forma, por exemplo, de artigos para blog, vídeos ou até mesmo um e-book.

2º Estágio – Demonstração de interesse

Nesta fase o consumidor já percebeu que tem um problema ou uma necessidade e agora parte para conhecer melhor sobre ele e também sobre as suas soluções.

A partir de então aquela pessoa já não é apenas mais um na multidão – no topo do funil. Ela é considerada um prospect (um potencial cliente) que decide interagir com o seu negócio com total interesse em explorar o que você efetivamente tem para lhe oferecer.

O fato é que nesse estágio as pessoas que demonstraram interesse buscam mais informações sobre sua empresa por meio, especialmente, de seus conteúdos liberados gratuitamente para elas.

E quanto mais elas têm acesso às informações relevantes que respondam às suas dúvidas mais elas se envolvem com o seu negócio.

3º Estágio – Despertando o desejo

Ok! As respostas foram dadas, as dúvidas solucionadas, e seu consumidor entendeu que há uma solução. Mas será que ele está realmente disposto a investir no seu produto ou serviço?

O que fazer para que o desejo na compra seja ativado de forma mais assertiva transformando seu prospect em lead (pessoa que definitivamente está interessada na compra)?

Simples: provocando o senso de urgência da oferta do seu produto ou serviço.

Desta forma o usuário pensará duas vezes antes de protelar a sua decisão e irá se empenhar de tal forma que não perca a grande oferta que está ali à sua frente.

4º Estágio – Decidindo a compra

A fase final simbolizada pelo fundo/base do funil representa o momento em que seu lead se torna definitivamente seu cliente ao decidir pela aquisição do seu produto ou serviço, podendo se revelar, inclusive, fiel à sua marca.

Esta já pode ser considerada uma etapa decisiva sobre como aumentar as vendas de uma loja.

Por que usar o funil de vendas

Por que usar o funil de vendas

Porque as estratégias ali montadas ajudam você a compreender como aumentar as vendas de uma loja entendendo a trajetória do seu público, com a clara finalidade de levá-lo de um estágio neutro a um ativo.

Conhecendo a jornada fica muito mais tranquilo, fácil e estratégico planejar ações para potencializar a sua campanha de vendas online, resultando em venda para um público bem segmentado.

A ideia é que essas pessoas comecem como simples visitantes, sejam prospects, leads e se tornem efetivamente clientes.

Além disso…

As formas de como aumentar as vendas de uma loja seguem ainda mais uma dinâmica.

Isto porque há um outro processo que é extremamente importante para praticamente todas os estágios do funil de vendas: o e-mail marketing.

Veja como isso funciona:

Antes considerado com um terror para muitas pessoas e empresas, o e-mail marketing ganhou uma nova roupagem dentro do marketing digital.

Ele se tornou, inclusive, um canal extremamente eficaz para o marketing digital por vários motivos, entre eles o de enviar informações estratégicas e corretas para o público certo e no momento certo.

A ideia é manter um constante relacionamento com a sua audiência (seu público) visando sempre novas vendas e vendas recorrentes. Além disso, o e-mail marketing possui ainda outras grandes vantagens, como:

  1. – Estreita o relacionamento com seus clientes;
  2. – É uma ferramenta relativamente econômica;
  3. – Busca atrair profundamente novos clientes;
  4. – Gera maior engajamento com as pessoas que já confiam no seu negócio;
  5. – Por meio do e-mail marketing é possível entregar seu imã digital (produto digital entregue gratuitamente para conseguir nome e e-mail da pessoa a fim de gerar uma lista de e-mails);
  6. – Contribui para dar fluxo contínuo à sua campanha de vendas online;
  7. – Ajuda a divulgar sua oferta recorrentemente para um público já segmentado;
  8. – É uma forma de comunicação bem mais pessoal com seus visitantes e potenciais clientes, buscando transformá-los em leads e seguidamente em clientes;
  9. – Com e-mail marketing você pode promover seus conteúdos, por exemplo, do seu blog já pensando na sua oferta ao leitor;
  10. – É uma maneira extremamente eficaz de promover seus produtos ou serviços;
  11. – É um canal constante de comunicação também com os clientes a que já efetivaram uma compra, mas que podem sempre se encantar com outras ofertas e continuar adquirindo mais produtos ou serviços seus.

Todo esse planejamento terá um retorno positivo e garantido. Acredite!

Hoje você descobriu como aumentar as vendas de uma loja em 30 dias através da internet.

São iniciativas práticas e bem elaboradas a fim de levar o seu negócio para um novo patamar financeiro. Aumentando o faturamento por meio de vendas reais e constantes realizadas com a ajuda do mundo digital.

Mas você está preparado para tomar à frente de todas essas estratégias? Você conseguirá sozinho construir um funil de vendas e automatizar o e-mail marketing de tal forma que sua campanha de vendas online seja eficaz?

Se sua resposta foi não! Sem problema. Há uma solução segura e profissional que você pode encontrar aqui na VendaOn, uma Agência de Marketing Digital formada por experts em marketing e vendas online.

A nossa missão é ajudar nossos clientes a venderem todos os dias através da internet.

E para ajudar você a completar o seu conhecimento sobre como aumentar as vendas de uma loja, inclusive da sua, nós queremos lhe dar mais um conteúdo totalmente gratuito.

É o E-book Como Criar um Plano de Marketing Vencedor.

Com ele você será capaz de, por exemplo, determinar o seu público-alvo na internet e ainda avaliar qual é a melhor estratégia para a sua empresa vender todos os dias na internet.

Baixe agora clicando em QUERO MEU E-BOOK GRATUITO.

O que achou do artigo? Sentiu falta de algum item? Deixe sua opinião nos comentários! E caso queira uma campanha de vendas online personalizada de graça, solicite o contato da nossa equipe

Como Vender Mais Pela Internet Usando o Facebook

Como Vender Mais Pela Internet Usando o Facebook

Ter vendas recorrentes e clientes leais com a ajuda da internet. Estes são desejos de qualquer empresário que acredita no potencial da web.

Acontece que muitos estão a ver navios, patinando em suas estratégias de vendas porque não sabem como vender mais pela internet.

Eles simplesmente estão utilizando estratégias muitas vezes sem planejamento, sem nenhuma segmentação de público e, muitas vezes, investindo em anúncios, por exemplo, no Facebook, que não convertem e não ajudam a vender.

O resultado disso tudo?
Vendas estagnadas;
Nenhum engajamento ou pouco;
Uma vida de constante preocupação com as contas que chegam e o dinheiro que não entra.

É uma situação muito difícil. Afinal, alguém lhe falou que era possível vender muito bem na internet, em especial no Facebook e você não notou nada disso.

Mas é possível sim. O problema é que você não consegue descobrir sozinho como vender mais pela internet.

O problema é que você está fazendo do jeito errado! Você não está usando assertivamente o Facebook como um excelente canal de vendas para a sua empresa.

Talvez você decidiu investir seus recursos em anúncios sem ao menos considerar o perfil do seu consumidor nessa rede social, sem conhecer o seu comportamento, por exemplo.

Acredite: um anúncio que não leva em consideração uma série de fatores está fadado a ter apenas: curtidas, alguns comentários e, claro, não gera vendas.

Por isso, se você está cansado de não melhorar o faturamento de sua empresa, cansado de anúncios que não te dão resultado e se você quer aprender como vender mais pela internet…

Este artigo é para você.

Neste conteúdo nós vamos lhe ensinar como vender mais pela internet usando o Facebook.

E a maneira mais estratégica é potencializar seus recursos com o Facebook Ads.

E o que é Facebook Ads?

É uma plataforma dentro do Faceboook voltada à publicidade de anúncios dentro da própria rede social. Você cria o anúncio e paga um valor determinado para eles serem impulsionados pelo Facebook.

E como você sabe, o Facebook é, atualmente, uma das redes sociais mais acessadas pelos brasileiros. Ou seja, um formidável e lucrativo espaço para sua empresa aparecer e se posicionar.

E por que vale a pena apostar no Facebook Ads?

Porque é uma ferramenta altamente estratégica para vender bem e melhor na internet, independente do tipo ou segmento da sua empresa.

Inclusive você não precisa ter um negócio online, sabia? Você pode anunciar seus produtos ou serviços também com a ajuda do Facebook Ads.

Além disso, se comparada a outras opções para divulgação na internet, o Facebook Ads tem baixo custo e um retorno melhor e rápido, pois permite, por exemplo, você chegar até seu público-alvo de forma mais precisa e eficaz.

Por isso, veja agora como vender mais pela internet com Facebook Ads e entenda melhor como ele é capaz de fazer o seu negócio ser reconhecido e procurado por seu cliente.

Estabeleça a meta para a campanha

Se você definitivamente pensa em como vender mais pela internet usando o Facebook Ads precisa primeiro saber quais os reais objetivos que deseja alcançar com a sua campanha.

É conseguir mais fãs para sua Fanpage?
É levar mais visitas para o seu seu site?
É promover a interação?
É aumentar as visualizações de um vídeo?
É expandir a porcentagem de vendas?
É ter vendas recorrentes? (Talvez este seja o seu maior desejo)

A partir dessas metas escolhidas o Facebook Ads irá ‘agir’ para otimizar sua campanha.

Objetivos não irão faltar, basta você definir melhor qual você quer atingir. Na dúvida converse com um consultor de marketing digital (Sugestão – linkar pra o site de vcs). Ele será a melhor pessoa para ajudar você neste momento.

Segmentação de público-alvo

Uma das formas mais equivocadas e mais fáceis de perder dinheiro é fazer anúncios sem um propósito e sem uma segmentação de público. É atirar para todos os lados com uma venda nos olhos, concorda?

É por isso que as ferramentas do Facebook Ads existem: para ajudar no processo de seleção do público-alvo (também chamado de audiência) que você quer alcançar.

Entre as opções para segmentação estão: faixa-etária; gênero; profissão; relacionamento; nacionalidade, faixa salarial, escolaridade. Mas há outros itens, inclusive de comportamento, que delineiam ainda mais o perfil.

E o que isso implica no seu anúncio? Bem… Quanto melhor for a segmentação maiores serão as chances do seu anúncio ser direcionado para as pessoas certas e com maior afinidade com a sua campanha.

Dê uma imagem atraente ao anúncio

Quer chamar atenção e conquistar cliques em seus anúncios? Então capriche nas imagens, pois elas exercem um poder incrível de atração. Mas um detalhe: elas necessariamente precisam ter uma forte ligação com o seu anúncio. Elas precisam de alguma forma fazer sentido.

Crie um título atrativo

Tão importante quanto uma imagem é dar ao anúncio um título que o seu prospect leia e tenha vontade de consumir o seu conteúdo, que aguce a sua curiosidade em conhecer o que você tem a ofertar.

Um excelente título é capaz de aumentar a taxa de cliques e ainda assegurar que estes cliques se transformem em vendas.

Mensuração dos resultados

Além de todas essas funcionalidades, o Facebook Ads permite ainda analisar como está o movimento dos anúncios. Se os resultados são positivos ou não. Por qual motivo alguns anúncios tiveram cliques e outros nem tanto.

A proposta é melhorar a performance da campanha de tal forma que você adeque os seus anúncios de acordo com o movimento do seu público. Esta é uma forma bastante estratégica de como vender mais pela internet.

Como você percebeu o Facebook Ads é uma excelente alternativa de marketing digital para você que não sabe como vender mais pela internet usando o Facebook.

Ele é um investimento que dará excelentes resultados para o seu negócio.

Além dessa opção você pode também fomentar suas vendas com a ajuda de profissionais experts em vendas online. E nós da VendaOn temos a solução direcionada para a sua empresa.

Inclusive elaboramos um E-book que vai auxiliar você para entender melhor como vender mais pela internet.

No E-book Como Criar um Plano de Marketing Vencedor você terá acesso a dicas e estratégias capazes de levar seu negócio a um próximo nível.

Como Fazer o Planejamento Estratégico de Marketing da Sua Empresa

Como Fazer o Planejamento Estratégico de Marketing da Sua Empresa

Você está feliz com a sua empresa? Aliás, com o desempenho de sua empresa no mundo dos negócios?

Seu fluxo de caixa está sempre contínuo deixando você numa situação confortável?

Seu volume de vendas está constante e, por isso, seu faturamento ao fim do mês é bastante para pagar todas as contas, funcionários e ainda o seu pró-labore?

E sua empresa já cresceu de tamanho? Você agora consegue, inclusive, contratar mais pessoas?

Seus colaboradores estão caminhando com você no mesmo propósito: atingir o sucesso tão desejado?

As metas? Você tem metas bem definidas a serem alcançadas pela sua empresa e está conseguindo atingir cada uma delas?

E as suas estratégias de marketing estão assertivamente sendo aplicadas e garantindo para você uma forte e marcante presença no mercado?

Se sua resposta for sim. Parabéns! Siga em frente…

Mas se sua resposta for não nós recomendamos a leitura desse conteúdo.

Ele tem tudo a ver com um passo importante que você deve tomar a partir de agora e que vai influenciar definitivamente e diretamente na performance administrativa e financeira de seu negócio, não importa o segmento nem o porte.

Nós estamos falando de planejamento estratégico de marketing. De criar um plano capaz de tirar a sua empresa do atual cenário para um novo nível de competitividade e, principalmente, de vantagem em cima de seus concorrentes.

Se você até hoje continua preocupado com todas aquelas perguntas que há pouco nós fizemos, por favor, pare tudo, mas tudo mesmo que está fazendo e leia este artigo.
Confira agora como fazer o planejamento estratégico de marketing da sua empresa:

Etapas do plano de marketing

Para você ter um planejamento estratégico de marketing que lhe proporcione segurança permanente e sucesso, você necessariamente deve conhecer quais são as etapas do próprio plano de marketing.

Assim, fica mais fácil e viável construí-lo de uma maneira mais estratégica e que dê à sua empresa o resultado esperado.

Então. O plano de marketing eficaz consiste nas seguintes etapas: planejamento, implementação e avaliação. Vamos conhecê-las

1 Etapa: Planejamento

estudar-publico-alvo

Nesta fase você precisa fazer uma análise bem intensa, estratégica e tática sobre seu público-alvo, sua empresa, seus concorrentes – diretos e indiretos e sobre o mercado, por exemplo.

Quando for estudar o seu cliente você precisa, por exemplo, fazer as seguintes perguntas:

  • Quem é o público-alvo?
  • De que forma ele compra?
  • O que ele procura?
  • O que ele valoriza durante o processo de compra?

Ao pensar em sua empresa você deve considerar as seguintes dúvidas:

  • Qual a imagem dos meus produtos e serviços junto ao público?
  • Quais meus pontos fortes?
  • Quais meus pontos a serem trabalhados?
  • Como enfrento crises?
  • Eu consigo financeiramente aumentar a oferta dos meus serviços ou produtos?

E quanto ao diagnóstico dos concorrentes e do mercado, o que fazer?

Veja!

Como fazer análise da concorrência no planejamento estratégico de marketing

Da mesma forma que você deve conhecer intrinsicamente sua empresa e seu público-alvo é necessário também avaliar os seus concorrentes e como eles trabalham, como eles conseguem permanecer no mercado e o que eles fazem para atrair e fidelizar clientes.

Por isso, é extremamente importante que o seu planejamento estratégico de marketing contemple entre outros dados quais os pontos fortes e a serem melhorados da concorrência.

E para que? Para você projetar ações estratégicas futuras e ainda estabelecer uma vantagem competitiva.

Mas…você sabe o que é realmente uma análise de concorrência?

Bem. Este tipo de ação visa colher todas as informações importantes de seus concorrentes de tal forma que seja possível fazer um acompanhamento, uma avaliação e ainda uma comparação dos resultados.

Quando uma análise de concorrência é assertiva você consegue, por exemplo:

  1. Enxergar quais os motivos que levam seus consumidores a escolherem os seus concorrentes;
  2. Determinar um modelo de diferenciação pensado exclusivamente para ser uma vantagem competitiva;
  3. Avaliar inúmeras probabilidades de melhoria de seu negócio.

E para realizar uma análise da concorrência no planejamento estratégico de marketing você deve:

Descobrir quem são seus concorrentes: estabeleça quais são as principais empresas semelhantes ao seu empreendimento e que, por isso, podem ser seus concorrentes diretos, e quais os negócios que concorrem com o seu indiretamente.

Conseguir o maior número de informações possíveis e importantes de cada um deles: agora que você já identificou quem é a concorrência deve reunir todos os dados pertinentes a ela, como quais suas principais estratégias, como ela é vista pelo consumidor e quais são seus pontos fortes e fracos.

A descoberta destes elementos pode ocorrer de várias maneiras, mas nós vamos aqui citar duas estratégias para que seu processo de pesquisa seja mais eficaz.

Confira:

Transforme-se em um cliente oculto – Isso mesmo. Visite a concorrência como um cliente, caso não consiga reunir todas as informações pela internet, por exemplo.

Neste caso, a ideia é coletar inloco dados como qualidade no atendimento, dos produtos ou serviços, se a empresa está em um bom ponto, de fácil acesso, quais são os preços praticados, qual é a forma de negociação, como acontece o fluxo de clientes.

É claro que este tipo de tática só vale a pena realizar caso a sua lista de concorrentes seja razoavelmente pequena já que demanda tempo para concretizá-la. Se este for o seu caso…vá em frente!

Faça uma avaliação da presença online da concorrência – outro item a ser considerado dentro do planejamento estratégico de marketing é perceber como seus concorrentes se comunicam por meio das ferramentas de marketing digital.

E por que você deve apostar neste tipo de pesquisa? Porque a participação de empresas no universo online vem crescendo a passos largos, sendo também um novo espaço de divulgação. Pensando assim, com certeza seus concorrentes não ficariam de fora, não é verdade?

Você pode começar a análise digital, por exemplo, estudando as redes sociais da concorrência. Observe como ela se relaciona com o público-alvo, qual a rede social com maior número de fãs ou seguidores, como é a frequência de postagens, como está a interação.

Enfim… pesquise e pesquise muito e de forma adequada a concorrência. Somente com uma análise profunda você vai conhecer e aprender com os acertos (podendo inseri-los em seu planejamento estratégico de marketing) e os erros de cada empresa concorrente.

Dessa forma, você evita possíveis riscos, inclusive de investimentos mal aplicados.

Ok! Você já sabe o perfil de seus concorrentes, entende que é preciso conhecer também o que é a sua empresa e qual o seu público-alvo.

Mas…você conhece realmente o seu mercado? Se ainda não ou imagina que conhece, porém muito pouco…

Aprenda então…

Como fazer a análise de mercado no planejamento estratégico de marketing

Um bom plano de marketing com certeza ajudará você a definir as estratégias adequadas para que seu produto ou serviço seja ofertado dentro da realidade e necessidade do mercado.

Conhecendo o mercado você terá uma maior habilidade de elaborar estratégias e práticas capazes de alcançar de forma mais direta e rápida o seu público-alvo.

Isto implica dizer que a análise mercadológica permite você determinar alguns atributos importantes da oferta do seu produto ou serviço, como a qualidade, o preço, como será feita a distribuição e qual imagem você quer associar à sua marca.

Ou seja, ao ter conhecimento sobre o mercado, as suas chances de se sobressair frente à concorrência são altamente vultosas, aumentando de forma significativa a probabilidade de seu negócio se tornar altamente bem-sucedido.

Para elaborar um diagnóstico do mercado você precisa fazer uma pesquisa do segmento. Há duas formas:

Por meio de instituições públicas e privadas coletando informações (matérias ou reportagens) e pesquisas (gráficos, tabelas e dados estatísticos) aplicadas e validadas, por exemplo, por governos, faculdades, organizações e associações do segmento.

Ou…

Colhendo suas próprias informações com pesquisas de mercado.
Na verdade, é preciso definir primeiro o que será pesquisado de acordo com a característica do setor onde se encontra o seu negócio. Mas em linhas gerais, na análise algumas perguntas são praticamente essenciais, como:

Quantas empresas atuam no segmento?
Este ramo está em desenvolvimento ou não?
Quais os principais obstáculos enfrentados por quem trabalha nesse setor?
Como está a oferta de crédito atualmente?
Quais as expectativas para a economia do país nos próximos meses ou anos?

Resumindo…

Quando você estuda o mercado você gera uma maior possibilidade de:

  • Compreender melhor o segmento de atuação;
  • Conhecer as ameaças;
  • Investir em algo que efetivamente dará certo;
  • Superar o concorrente;
  • Atrair seu público-alvo.

E a próxima etapa para fomentar um planejamento de marketing estratégico capaz de levar o seu negócio a um novo patamar financeiro é a…

2 Etapa: Implementação

checklist-execução-plano-marketing

Este é o momento de por em prática as estratégias que irão contribuir para o crescimento e permanência do seu negócio no setor de atuação. É a fase de execução do plano de marketing.

Nesta etapa serão apontadas quais ações a serem executadas, serão definidos os prazos para realização do plano, a sequência das atividades e a ordem de prioridade.

É importante lembrar que durante a implementação de cada atividade levantada no planejamento estratégico de marketing é preciso acompanhar o movimento do mercado, do concorrente e, claro, do consumidor. Essas percepções são imprescindíveis para o desenvolvimento constante do seu negócio. Pense nisso!

3 Etapa: Avaliação

Mesmo que você acredite no potencial do seu negócio e que o seu plano de marketing esteja perfeito, é extremamente importante avaliar os resultados da sua empresa constantemente, de acordo com o que foi listado no seu planejamento.

Sim. Imprevistos acontecem, a economia muda e o comportamento da concorrência e do público-alvo muitas vezes acompanha a tendência da economia.

Além disso, é preciso avaliar também os cenários internos, como o desempenho da equipe, das finanças, dos fornecedores e da sua produção, por exemplo.

A proposta dessa fase é encontrar possíveis entraves que atrapalham o atingimento das metas estabelecidas para, assim, tomar decisões corretivas ou preventivas.

Bem. Estas foram as etapas de como fazer o planejamento estratégico de marketing da sua empresa de tal forma que o seu negócio consiga atingir a melhor performance possível.
E se você está firme no seu proposito de melhorar o seu faturamento e levar a sua empresa a um novo nível capaz de prospectar mais clientes, inclusive, por meio da internet…

Nós da VendaOn podemos lhe ajudar.

× Como podemos te ajudar?